Momentos Emiliano de Cristo

Loading...

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO - HORTA ESCOLAR

PROJETO
MEIO AMBIENTE: Horta na Escola

  

MONITOR:
João Tomaz da Silva Neto
TÉCNICO AGRÍCOLA – CREA-PB 2237-TD  

André da Silva Santos  




"Horta como o lugar
onde crescem as
coisas que, no
momento próprio,
viram saladas,
refogados, sopas
e suflês. Também
isso. Mas não só.
Gosto dela, mesmo
que não tenha nada
para colher. Ou
melhor: há sempre
o que colher, só que
não para comer."
"Pois é, horta é algo mágico, erótico,
onde a vida cresce
e também nós, no
que plantamos.
Daí a alegria. E
isso é saúde,
porque dá vontade
de viver. Saúde
não mora no corpo,
mas existe entre o
corpo e o mundo -
é o desejo, o
apetite, a nostalgia,
o sentimento de
uma fome imensa
que nos leva a
desejar o mundo
inteiro."


(A HORTA - Rubem Alves, em "O Quarto do Mistério" )

É crescente a preocupação mundial com o meio ambiente e essa temática tem entrado no espaço escolar a partir de vários educadores que a cada dia tem refletido e muitas vezes buscado cumprir o importante papel de desenvolver o comprometimento das crianças, adolescentes e jovens com o cuidado do ambiente desde a escola, o bairro e a cidade.
Essa temática faz com que todos possam ter a oportunidade de repensar os seus atos diante de cada ação no seu cotidiano, bem como, as formas de reeducar-se em cada momento de aprendizado. Nesse sentido, apresentamos a proposta de MEIO AMBIENTE: Horta Escolar, como um valioso instrumento educativo para mudança de comportamento e atitude diante do meio em que vive.
Essa aprendizagem começa desde o contato com a terra, o preparo do canteiro e todos os cuidados diários que as plantas exigem de cada envolvido. Regar, tirar matos, espantar formiga, replantar, torna-se uma exercício de paciência e perseverança de intimidade com o solo e com a natureza.
Neste espaço temos um local privilegiado para que de fato, aconteça a sensibilização dos atores envolvidos no cuidado com a vida, com a saúde, sobrevivência, ou seja, as hortas escolares são instrumentos que, dependendo do encaminhamento dado pelo educador, podem abordar diferentes conteúdos curriculares de forma significativa e contextualizada e promover vivências que resgatam valores e transforma teorias em práticas cotidianas.

Objetivo Geral:


·        Implantar uma horta escolar como espaço alternativo, educador sustentável que estimule no alunado uma aprendizagem significativa e  múltiplas atividades para a construção de cidadania através da educação ambiental.




Objetivos Específicos:



·        Possibilitar aos alunos um novo espaço para um aprendizado prático dos conteúdos vivenciados em sala de aula;

·        Despertar o interesse das crianças para o cultivo de horta e conhecimento do processo de germinação;

·        Dar oportunidade aos alunos de aprender a cultivar plantas utilizadas como alimentos;

·        Estabelecer relações entre o valor nutritivo dos alimentos cultivados;

·        Conhecer técnicas de cultura orgânica valorizando a importância do trabalho e cultura do homem do campo;

·        Identificar técnicas de manuseio do solo e manuseio sadio dos vegetais;

·        Identificar processos de semeadura, adubação e colheita;

·        Compreender a importância de uma alimentação equilibrada para a saúde;

·        Produzir alimentos para o consumo da escola e possivelmente da comunidade local.

Para a efetivação da proposta a dividiremos em quatro etapas:

Na primeira etapa temos  a visitação à horta: reconhecimento do espaço em que será feito o plantio. Nesta etapa, conversaremos com os alunos, abordando questões como o que é uma horta, para que serve e o que podemos plantar nela.
Na segunda etapa será uma conversa sobre plantio, em seguida os alunos irão deixar a terra pronta para começar as escolha das primeiras plantações através de consulta aos pais e aos alunos da escola.
Na terceira etapa será o acompanhamento da plantação, durante a época de crescimento da plantação, podem ser criadas atividades relacionadas à horta, como, por exemplo, observação do crescimento da semente, limpeza e rega dos canteiros. Também podem ser desenvolvidos trabalhos ligados ao tema "natureza".
Na quarta etapa a quando acontecer a colheita nessa fase final do projeto sugerimos que deva ser encarada como uma festa onde todas as turmas se reúnem para comer as verduras e legumes que plantaram.

Alguns resultados da HORTA ESCOLAR:
















Um comentário:

  1. Parabéns João Tomaz e Andre pelo dedicado esforço com o projeto e com o meio ambiente!

    ResponderExcluir